terça-feira, 11 de novembro de 2008

O Retorno de Mau-mau

Qual é a lógica do pobre quando ele rouba alguém? Ele simplesmente tá querendo algo que ele não tem. E Qual é a lógica do rico que rouba o pobre se ele já tem?

Essa é apenas uma das perguntas que Leo, personagem do novíssimo filme dirigido por José Eduardo Belmonte: Se Nada mais der certo. Aquele mesmo diretor que fez A Concepção. O filme concepcionista do povo tudo doido aqui em Brás Ilha minha gente. Vai ver vai, desliga esse computador e vai lá alugar. Enquanto você assiste o antigo, anota aí na sua agendinha pra não perder o novo, que já passou no Festival Internacional de Cinema - ué mas já passou, Hell? E agora? - Calma, vai passar de novo no Festival de Cinema Nacional, no dia 23 de novembro. Aquele que rola lá no Cine Brasília todo ano, que todo mundo fica na fila, passa o dia inteirinho lá comendo pipoca, se espremendo na sala, enfim, uma delícia.

Voltando ao Se nada mais der Certo, protagonizado pelo nosso eterno Mau Mau de Malhação, Cauã Reymond, que tá até se esforçando minha gente... Fez feio não, viu? E por Carolina Abras, uma nova atriz na área que na minha opinião, é o grande flash do longa. O filme se trata de um jornalista falido (coisa que não é difícil, pessoas), casado com uma búlimica depressiva - ah! Você também conhece uma? Coincídensa menini - mãe de um menino de seis anos. O tal do jornalista que não sabe mais da onde tirar dinheiro se depara com a seguinte situação: um convite de um andrógino, e de um taxista para tomar chope. E aí, crazyone? Ô... Se vocês soubessem o que rola depois do sim a cerveja. Há! Só conferindo. Quer ver o trailer? O youtube mostra!

Vejo você no cine Brás Ilha.

3 comentários:

David disse...

obaaaaa!
vou estar la com certeza!
ando muito entusiasmado com o cimena nacional!
será pq, né?
uahuahauhuahauha
bjoka!

Peu Lucena disse...

Bom,
já que o tema é Cinema Candango, ou afins, vez ou outra entre lá no Estúdio Capital...

Beijoks!

Mariana disse...

incrível!